Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/09/17 às 17h00 - Atualizado em 25/09/17 às 14h11

Servidores públicos

Walter Mello – O pai do ArPDF

 

Idealizador do Arquivo Público do Distrito Federal, instituição fundada em março de 1985, o baiano Walter Albuquerque Mello, hoje com 87 anos, formou em Serviço Social em Salvador, vindo para Brasília em agosto de 1960, após uma rápida temporada no Rio de Janeiro. Dois anos depois seria convidado a assumir a Fundação Cultural, atual Secretaria de Cultura. Mais tarde ficaria responsável pelas áreas de cinema e artes plásticas da instituição.

Em 1965, sob a coordenação de Paulo Emílio Salles Gomes, ajuda a montar a Primeira Semana do Cinema Brasileiro, ampliado dois anos depois para o Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, primeiro evento do gênero do país.

Nomeado Diretor da Divisão de Patrimônio Histórico e Artístico, foi fundamental no tombamento da Pedra Fundamental de Planaltina e a Igrejinha Nossa Senhora de Fátima na 307-308 Sul. A experiência o fez notar a necessidade da criação de uma instituição voltada para a preservação do patrimônio documental de Brasília. Nascia assim o Arquivo Público do Distrito Federal, do qual foi o primeiro Superintendente.

“Aquilo não podia ser um arquivo morto. Era preciso tornar a instituição útil”, comenta.

Chamado carinhosamente por Oscar Niemeyer de Walter “Cultura”, exerceu importante influência para várias gerações em todos os segmentos da arte em Brasília.

 

 


Ernesto Silva

Militar e médico, Ernesto Silva era carioca de Vila Isabel nascido em 17 de setembro de 1914. Formado em Ciências e Letras em 1933, tornou-se oficial do Exército três anos depois, chegando ao posto de coronel. Em 1946 realizou o sonho de ser pediatra ao se formar médico pela Escola de medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro. Embalou nos braços as primeiras gerações de Brasília.

 

Considerado o pioneiro do antes, entre 1953 e 1955 foi secretário da Comissão de Localização da Nova Capital do Brasil e presidente da Comissão de Planejamento da Construção e da Mudança da Capital Federal em 1956.

 

Durante a construção de Brasília realizou notável trabalho na área administrativa, ocupando diversas funções, dentre elas a de Diretor da Novacap, realizando atividades ligadas às áreas de saúde, urbanização e cultura no Distrito Federal. Foi Ernesto Silva quem assinou o Edital do Concurso do Plano Piloto vencido pelo arquiteto e urbanista Lúcio Costa.

 

Entre os seus feitos nos anos seminais de Brasília estão a criação da Fundação Hospitalar do Distrito Federal e construção do Hospital de Base, na chamado de Hospital Distrital de Brasília (HDB). É autor de sete livros, destaques para o “Plano Educacional e Plano de Saúde do DF” e a “História de Brasília”, publicado em 1970.

 

Viveu modestamente seus últimos dias num apartamento da Asa Sul, protegido pelas sombra das árvores que ajudou a plantar. Faleceu em fevereiro de 2010 aos 95 anos.

Arquivo Público do Distrito Federal - Governo de Brasília

ArPDF

Setor de Garagens Oficiais SGO
Qd. 05 Lote 23 - CEP: 70.610-650 Brasília/DF - Tel.: (61) 3361-7739 arquivopublico@arquivopublico.df.gov.br